Polícia Militar do Estado do Rio de Janeiro - EM CASO DE EMERGÊNCIA LIGUE 190

POLÍCIA MILITAR ATINGE RECORDE DE APREENSÕES DE FUZIS DA ÚLTIMA DÉCADA

2019-09-16T19:57:05-03:00setembro 11th, 2019|

Ao longo desta quarta-feira (11/9), a Secretaria de Estado de Polícia Militar apreendeu mais três fuzis na Zona Norte do Rio, totalizando 382 dessas armas de guerra recolhidas em 2019. Esta marca iguala o número de apreensões de fuzis durante todo o ano de 2017, quando fora estabelecido o recorde desta década.

Os três fuzis foram apreendidos durante operações conjuntas realizadas em comunidades do Complexo da Penha e na Cidade Alta, em Cordovil, por equipes do Comando de Operações Especiais (COE), da Coordenadoria de Polícia Pacificadora (CPP) e do 16 BPM (Olaria).

No Complexo da Penha, policiais das unidades do COE – através do Batalhão de Ações com Cães (BAC), do Batalhão de Polícia de Choque (BPChq), Grupamento Aeromóvel (GAM) e Batalhão de Operações Policiais Especiais (BOPE) – foram atacados por criminosos, dando início a um confronto. Um criminoso morreu e outros dois, com mandado de prisão em aberto, foram presos. Foram apreendidos dois fuzis, uma pistola, dois rádios transmissores, 118 kg de maconha, 16 kg de cocaína, 5.095 trouxinhas de maconha, 547 vidros de loló, 372 pinos de cocaína e materiais de endolação de drogas. Na parte alta da comunidade do Sereno, os policiais removeram uma base de contenção dos criminosos.

Na comunidade da Cidade Alta, em Cordovil, policiais do 16 BPM foram atacados por criminosos, dando início a um confronto. Dois marginais foram atingidos e levados para o Hospital Estadual de Getúlio Vargas e outros dois foram presos. Os policiais apreenderam um fuzil, cinco granadas, munições e drogas.

As ocorrências foram encaminhadas para a 22ª DP (Penha) e para Divisão de Homicídios da Capital.