PM INICIA RECUPERAÇÃO DA FROTA VISANDO AMPLIAR POLICIAMENTO PREVENTIVO

2017-12-27T07:44:38+00:00dezembro 15th, 2017|

Depois de obter a aprovação do edital de licitação para contratação de oficinas credenciadas, o Comando da Polícia Militar iniciou nesta sexta-feira, 15/12, um verdadeiro mutirão para recuperar as viaturas da Corporação que estão paradas em todo o estado por falta de manutenção. A previsão é de em 15 dias, a população do estado comece a perceber o aumento do policiamento preventivo motorizado nas ruas.

Recentemente, o Tribunal de Contas do Estado (TCE) aprovou com louvor o edital de licitação no valor de R$ 93 milhões. Foram meses de trabalho para montar o novo modelo edital e obter os recursos, extraídos do próprio orçamento da Corporação, num período de extrema dificuldade financeira em função da crise enfrentada do Governo estadual.

Das oficinas que se candidataram para participar do processo de licitação, 55 foram credenciadas. E 41 delas, espalhadas por todas as regiões do estado, já estão aptas a receber as primeiras viaturas baixadas, tanto para serviço de mecânica como de lanternagem e capotaria. De acordo como o planejamento elaborado pelo Estado Maior Geral Administrativo da PM, responsável pela construção e condução do processo licitatório junto ao TCE, a coordenação do serviço de recuperação das viaturas ficará por conta de cada um dos sete Comando de Policiamento de Área (CPA), instância intermediária que faz a ponte entre o Comando-Geral da Corporação e os batalhões operacionais.

Um outro edital, este no valor de R$ 66 milhões, está em fase final de análise para aprovação no TCE. Este edital, que deve ser aprovado na próxima semana, destina-se à compra de novas viaturas, dando início ao processo de renovação da frota. Vale lembrar que, em consequência da falta de recursos financeiros, há mais de um ano nenhum veículo foi comprado pela Corporação.